#7: tornar-se inócuo e irrelevante.

Quero esclarecer algo muito importante:

Toda vez que faço uma crítica à igreja a escrevo com extremo pesar e tristeza. É no Corpo de Cristo que deveriam se manifestar os dons e talentos dos cristãos os quais são expressão do amor e da fraternidade motivados pela graça de nosso Senhor Jesus Cristo. A igreja é a melhor forma pela qual Jesus se faz presente na face da Terra. Quando erramos o alvo e perdemos o foco, fazemos tudo quanto é coisa menos aspergir graça àqueles que necessitam.

Voltando ao tema principal: ser inócuo e irrelevante é simplesmente esquecer da cruz, da obra de Jesus Cristo e de tudo que ele fez e tem feito em nós, por meio e apesar de nós. É inadmissível que a comunidade de salvos pela cruz se esqueça dela, e faça coisas em nome de Deus que sejam contrárias à obra da cruz. Triste e lamentável que não muitas vezes as decisões de igrejas bem intencionadas não são balizadas segundo o Espírito e a Palavra de Deus. Nessa hora imperam as conveniências e a vontade de tentar harmonizar diferentes interesses partidários na igreja. O Reino de Deus e a graça são esquecidos em detrimento das decisões feitas através de acordos e da política entre os setores que tem voz (e dízimo). Há um falso espírito de “não criar contendas” que se traduz principalmente em covardia ao se enfrentar o pecado segundo Mateus 18 e I Coríntios 5.

“As igrejas deixaram de causar impacto no mundo porque perderam a visão daquele que venceu o mundo. A começar pela liderança.”

É lamentável quando ao invés de uma igreja investir seus recursos e dons para ajudar um orfanato elas preferem colocar o dinheiro debaixo do colchão para fazer uma ampliação do templo para ter mais cadeiras vazias. Ignoram que há pessoas por aí aos montes necessitando ouvir uma palavra de alento, sedentas do Caminho. Ao invés de abrirem as portas para essa gente, escolhem programar eventos para que seus jovens se divirtam fazendo músicas de mau gosto ou reuniões de senhoras para disseminar fofoca Gospel. Fico triste quando uma liderança vê a congregação como força de trabalho manipulável para cumprir seus objetivos e metas. Deixou de ser igreja que valoriza mutualidade, diversidade e relacionamentos como manda Colossenses 3. O corpo agora é uma corporação que (não) presta serviço à comunidade. As outrora ovelhas receberam um nome tão bonito quanto maquiavélico: voluntários.

As igrejas deixaram de causar impacto no mundo porque perderam a visão daquele que venceu o mundo. A começar pela liderança. Há tempos não se vê líderes exemplares como Pedro que enfrentou em discurso fariseus sanguinários. Não têm a clareza de visão de Paulo que para falar de Cristo ao mundo inteiro decidiu ser julgado por Nero arriscando o seu pescoço. Não existem mais cristãos com coragem para fechar a lojinha de artesanato de Éfeso ao condenar a “bela diversidade cultural grega” recheada de paganismo e idolatria. Faltam ainda “Martin Luther Kings” para denunciar a injustiça social.

A igreja deixa de ser relevante quando a liderança torna-se medíocre. Não têm visão e sequer desconfiam da existência do Reino de Deus. Não examinam mais a Bíblia como deveria ser lida e há muito tempo esqueceram de seus ensinamentos recheados de exemplos no Novo Testamento. Preferem os livros de auto-ajuda ou as pregações de celebridades Gospel que arrastam multidões. Trocaram a Teologia por outras “-logias”.  Preferem o caudilhismo opressivo ou a libertinagem do tudo pode com o simples objetivo de reter clientes nas cadeiras. A missão do Reino deixou de ser prioridade porque agora temos que manter a grande corporação, ou a pequena lojinha, funcionando domingo a domingo.

Se você olha para a liderança da sua igreja e ao invés de ver pastores você enxerga executivos e gerentes de balcão, essa igreja poderá se tornar inócua e irrelevante. É um Corpo inerte e amortecido dos pés ao pescoço…

Porque felizmente o Cabeça ainda é o Cristo. Amem!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: