Loucura, loucura, loucura

30 - março, 2009

Tem pastor sério que está pirando da batatinha. Estão tomando muito refrigerante emergente:

http://www.ricardogondim.com.br/Artigos/artigos.info.asp?tp=69&sg=0&form_search=&pg=1&id=1401

Olha um trecho do devaneio:

Esse é apenas parte do problema para quem continuamente insiste que um dos absolutos da fé cristã repousa na afirmação de que “só a Bíblia” é nosso guia. Isso soa bem, mas não é verdade. Em reação aos abusos da igreja, um grupo de crentes de um período chamado de Reforma, afirmou que só precisamos da autoridade da Bíblia. Mas o problema é que recebemos a Bíblia da igreja que votou sobre o que é a Bíblia. Então, quando eu afirmo que a Bíblia é a Palavra de Deus, no mesmo fôlego também estou afirmando que quando aquelas pessoas votaram, Deus estava presente, de alguma maneira,  guiando-os para que fizessem aquilo. Quando as pessoas dizem que tudo o que precisamos é a Bíblia, isto simplesmente não é verdade.

( … )

Para Jesus, céu e inferno eram realidades do presente; jeitos de viver, que podemos experimentar aqui e agora. Ele falou muito pouco sobre a vida além desta, porque compreendia que a vida além desta é mera continuação dos tipos de escolhas que fazemos aqui e agora.

Essa é uma tradução livre do Ricardo Gondim do livro de Rob Bell: “Velvet Elvis”. É mais um desses que ataca a suficiência e a inerrância das escrituras colocando “tudo que está aí em dúvida”.

Fico triste em pensar que gente inteligente e bem-intencionada está rejeitando as escrituras. Eles e suas igrejas tem coisa muito boa: recursos, criatividade, gente fiel e comprometida. 

Não precisavam disso!


Teologia emergente X Cristo, Evangelho e Igreja

26 - março, 2009

Rompimento não é a palavra certa porque nunca estive aliado as suas idéias. Apreciava com interesse. Depois de ler mais coisas, ouvir muitas outras e deste artigo:

http://www.cristianismohoje.com.br/artigo.php?artigoid=37964

Decidi que é hora de firmar posição. Fato pelo qual removi os emergentes da lista de blogs recomendados ao lado.

Diálogo é bom mas não abro mão da inerrância e suficiência de Cristo e das Escrituras.

Mesmo que pareça cruel e radical …

Estamos de volta!


A religião que troca as lâmpadas

23 - março, 2009

Recebi isto por e-mail. Não é da minha autoria mas é bem engraçado (e um pouco maldoso também)

Um pequeno resumo bastante tendencioso das várias vertentes teológicas. 
Espero não ter esquecido de ninguém…

1 – Quantos carismáticos são necessários para trocar uma lâmpada?
Três. Um para expulsar a lâmpada e dois para segurar quando ela cair.

2 – Quantos calvinistas são necessários para trocar uma lâmpada?
Nenhum. Se Deus predestinou a troca, ela vai acontecer.

3 – Quantos arminianos são necessários para trocar uma lâmpada?
Um, mas antes disso a lâmpada precisar desejar ser trocada.

4 – Quantos luteranos são necessários para trocar uma lâmpada?
Trocar? Por que trocar? Não está bom assim?

5 – Quantos neo-ortodoxos são necessários para trocar uma lâmpada?
Nenhum. Eles não sabem a diferença entre luz e escuridão mesmo…

6 – Quantos tele-evangelistas são necessários para trocar uma lâmpada?
Apenas um. Mas para que essa mensagem de luz possa continuar envie sua contribuição para…

7 – Quantos liberais são necessários para trocar uma lâmpada?
Pelo menos dez, já que eles precisam ter um debate sobre a existência ou não da lâmpada. Mesmo que eles venham a concordar com a existência da lâmpada, eles podem não querer trocá-la com medo de alienar aqueles que preferem outras formas de iluminação.

8 – Quantos católicos são necessários para trocar uma lâmpada?
Nenhum. Eles ainda usam velas.

9 – Quantos metodistas unidos são necessários para trocar uma lâmpada?
.Eles emitiram o seguinte comunicado: “Decidimos não fazer uma declaração nem a favor nem contra a necessidade de se ter uma lâmpada. No entanto, se você, em sua jornada pela vida, perceber que a lâmpada funciona para você, está tudo muito bem. Você está convidado a escrever um poema ou uma canção sobre seu relacionamento com a lâmpada (ou fonte de luz, ou fonte de não-escuridão) e apresentar no próximo culto da lâmpada, no qual vamos explorar outras formas também válidas de luminescência”.

10 – Quantos Amishs são necessários para trocar uma lâmpada?
Lâmpada? O que é uma lâmpada?

11 – Quantos Batistas do Sul são necessários para trocar uma lâmpada?
Cento e nove!!! Sete no sub-comitê para a Força Tarefa da Lâmpada, que reportam para os doze da Força Tarefa da Lâmpada (FTL), recomendados pelos 15 da junta organizadora. Sua recomendação é revista pelos cinco do comitê financeiro executivo, que colocam a solicitação na agenda dos 18 membros do comitê financeiro. Se for aprovado, eles solicitam uma monção para os 27 membros da junta da igreja, que apontam outros 12 membros para o comitê de revisão. Se eles recomendarem para a junta da igreja continue, uma resolução é levada para a reunião executiva da congregação. Eles apontam outros oito para o comitê de revisão. Se eles recomendarem na próxima reunião executiva congregacional a aprovação e a congregação votar a favor, a responsabilidade é entregue a junta organizadora, que aponta um comitê de sete membros para achar o melhor preço para a lâmpada. Sua indicação de qual loja possui o preço deve ser aprovado pelos 23 membros da comissão de ética, para garantir que essa loja não possui qualquer ligação com a Disney. Eles então reportam para a junta organizadora, que comunica o zelador, solicitando a troca. Nesse momento, o zelador descobre que mais uma lâmpada acaba de queimar…

12 – Quantos nazarenos são necessários para trocar uma lâmpada?
Seis. Uma mulher para trocar e cinco homens para discutir as políticas de iluminação da igreja.

13 – Quantas testemunhas de Jeová são necessários para trocar uma lâmpada?
Duas. Mas eles nunca conseguem chegar à sala, já que sempre que batem na porta ninguém está.

14 – Quantos mórmons são necessários para trocar uma lâmpada?
Cinco. Um homem para trocar e quatro esposas para dizer como fazê-lo.

15 – Quantos ateus são necessários para trocar uma lâmpada?
Cinco. Um para escrever um livro sobre a não existência da lâmpada, um para levantar recursos para uma pesquisa sobre como a lâmpada levou bilhões de anos para evoluir e outros três para negar a existência da eletricidade como fonte original da luz.

16 – Quantos adventistas são necessários para trocar uma lâmpada?
Apenas um, desde que não seja no sábado.

17 – Quantos episcopais são necessários para trocar uma lâmpada?
Dez. Um para trocar e nove para dizer que sentem saudade da antiga lâmpada.

E em homenagem a terra dos favoritos para ganhar o Six Nations:
18 – Quantos irlandeses são necessários para trocar uma lâmpada?
Dez. Um para trocar a lâmpada e nove para beber até a sala começar a girar.


Pausa ao invés da apostasia

9 - março, 2009

Estou em “pause”. Reformulando conceitos e tomando decisões.

Volto logo, prometo!


Pintando o 7 em 3D

5 - março, 2009

Uma amostra do trabalho de um cara muito talentoso:

maya2

maya

Esse último sou eu quando fico pensando em nada e resolvo escrever…

Mais em http://cgmaki.soup.io/


Yes, nós temos café – Brazillian Coffee

3 - março, 2009

Se estiver com muita vontade de tomar um bom espresso em Serra Negra vá ao Brazillian Coffee na rua principal de Serra Negra experimentar o justo e saboroso café homônimo da loja. Não é tão badalado como o Le Caffe e o próprio museu do café, mas o espresso é muito bem tirado como mostram as fotos abaixo:

Um blend bacana, equilibrado em todos os aspectos de acidez, sabor e doçura. Daqueles café que um saquinho de adoçante ou uma ínfima colher de açúcar resolvem tudo.

Claro que amargo e doce são questões de gosto e quem sou eu a meter a colher no café dos outros.